junglefight

10 de janeiro de 2020

EXTRA – Wallid Ismail confirma Jungle Fight no DAZN 101 em Contagem (MG), faz balanço de 2019 e projeta 2020: ‘Será incrível’

O ano de 2019 foi histórico para o Jungle Fight. A parceria com a plataforma de streaming DAZN levou o evento a milhões de lares. O Jungle bateu o recorde de audiência no Facebook com quase cinco milhões de visualizações. O Canal Woohoo também se tornou parceira do evento, transmitindo ao vivo as pesagens e os cards preliminares. Além disso, o Jungle Fight retornou a Manaus, onde tudo começou, e realizou a histórica centésima edição, marco nunca alcançado por nenhum outro evento nacional.
10 de janeiro de 2020

TERRA – Após 2019 grandioso, Jungle Fight no DAZN confirma edição em Contagem

O ano de 2019 foi histórico para o Jungle Fight. A parceria com a plataforma de streaming DAZN levou o evento a milhões de lares. O Jungle bateu o recorde de audiência no Facebook com quase cinco milhões de visualizações. O Canal Woohoo também se tornou parceira do evento, transmitindo ao vivo as pesagens e os cards preliminares. Além disso, o Jungle Fight retornou a Manaus, onde tudo começou, e realizou a histórica centésima edição, marco nunca alcançado por nenhum outro evento nacional.
1 de janeiro de 2020

Em Tempo – Conheça Klinger “Do Boxe”, o novo campeão do Jungle Fight em Manaus

Manaus - O amazonense Klinger “Do Boxe” Pinheiro, novo dono do cinturão da categoria até 61 kg (galo), foi o grande nome da edição número 100 do evento Jungle Fight, que aconteceu na noite do último sábado (28), na Arena Poliesportiva Amadeu Teixeira, no bairro Flores, Zona Centro-Sul de Manaus.
30 de dezembro de 2019

Portal do Holanda – Índio Macuxi brilha em edição histórica do Jungle Fight em Manaus

Manaus/AM - De volta às origens em Manaus, o Jungle Fight teve sua centésima edição na noite do último sábado (28), na Arena Poliesportiva Amadeu Teixeira. O lutador Leandro “Cacique” Pereira representou muito bem a etnia Macuxi e também a academia Carioca Team, vencendo Arthur Martins de Castro (Carmem Casca Grossa/ CT JAPA) com um armlock encaixado dentro de um triângulo no primeiro round do combate válido pela categoria até 66 kg (pena).